• ilovesite02

Mobile Commerce: Sua empresa já está fazendo?

Muita gente acredita que tanto o e-commerce quanto o m-commerce começaram depois da pandemia, na verdade tudo no comercio estava caminhando para isso, mas com a pandemia houve uma aceleração extrema. E ai que entra o tal do m-commerce.




O M-commerce ou mobile commerce chegou para ficar e cabe a você absorver essa nova realidade para não perder para a concorrência.


Afinal de contas, já passou da hora da sua empresa investir em mobile commerce.


Mas então o que é o mobile Commerce?


Mobile commerce (ou apenas m-commerce) é um tipo de negócio digital que se caracteriza pela venda de produtos e serviços por dispositivos móveis.


Essas vendas podem ser tanto por meio de aplicativos próprios, quanto pelos sites das empresas, desde que sejam concretizadas em tablets e smartphones.


Alguns dados...


Se, em 2019, o mobile commerce brasileiro faturou cerca de US$ 5,2 bilhões, a projeção para 2020 aponta que esse número deve crescer 10 vezes, saltando para cerca de US$ 52,6 bilhões.


No Brasil, 72% da população fez compras por aplicativos durante a pandemia, sendo que 42% afirmaram realizar mais de dez aquisições no período.


Facilidade





Comunicação omnichannel (Omnichannel é um nome moderno para uma estratégia clássica: integrar canais de venda e comunicação para facilitar a vida do consumidor) é uma das razões que apontam porque as pessoas, cada vez mais, estão apostando no mobile commerce.


Afinal, por que elas vão recorrer a outros tipos de plataformas (como loja física, por exemplo) se podem ter acesso a tudo que precisam em um único lugar?


Tudo isso ao alcance de alguns cliques, que podem ser feitos a qualquer hora e a qualquer lugar.


Os usuários não precisam se preocupar com horário comercial e, muito menos, ter que encarar longas filas para garantir seus produtos.


O que os consumidores acham do m-commerce?


O m-commerce surge como uma alternativa integrada, prática, barata, personalizada e democrática para os consumidores.


Em um cenário em que muitas empresas fecharam, permanecem fechadas ou tiveram mudanças em suas lógicas de funcionamento, os usuários aproveitaram uma oportunidade real já disponível e desfrutaram das suas facilidades.


Mesmo que algumas lojas físicas tenham voltado a operar dentro de uma certa normalidade, muitos ainda preferem não se arriscar e fortalecem o m-commerce.


Isso é demonstrado nos números: 40% dos consumidores pretendem continuar comprando online no pós-pandemia e outros 34% vão diminuir suas idas a lojas físicas depois que a situação estiver mais controlada.


Fique ligado!


Tendências de mercado vêm e vão, mas outras como o mobile commerce chegam para nunca mais ir embora.


Ou seja, esse modelo de negócio vai continuar presente e mais forte do que nunca.


O que você precisa se perguntar é se deseja aproveitar essa oportunidade agora e já começar a trilhar seu caminho de sucesso ou adiar e ter que correr atrás da concorrência.




Fonte: Neil Patel

Agência Ilovesite








©2021 ilovesite - Todos os direitos reservados

520 - 318798 - 41948871 - 8947197848